Venda de carros importados impacta comércio de autopeças em Santos

O aumento da importação de carros no Brasil está refletindo diretamente no setor de autopeças. De acordo com a Associação Brasileira das Empresas Importadoras de Veículos Automotores (Abeiva), a indústria registrou um crescimento de 87,4% na venda de veículos fabricados fora do País. Em razão disso, as lojas de reposição estão tendo de adaptar os estoques para atender ao nicho cada vez mais em ascensão.

Em Santos, cidade do litoral de São Paulo, a procura por peças de veículos de marcas como Kia, BMW e Chrysler, entre outras montadoras, fizeram com que a Arbopec Autopeças incluísse no estoque produtos dessas fabricantes para dar conta dos pedidos com agilidade.

“Quando a demanda é muito pequena, não compensa fazer estoque. Mas observamos como está a procura de cada item e incluímos sempre que se justifica a compra de peças em maior quantidade. Para se ter uma ideia, toda semana temos um novo item entrando no estoque”, ressalta Julio Alvarez, proprietário do estabelecimento, que fica próximo à região central da cidade.

Ele lembrou que a tendência é a nacionalização de peças de novos veículos importados na medida em que as vendas aumentam no país, como ocorreu anos atrás com Renault, Peugeot e Citroën. “A procura por peças de importados e de carros novos, fabricados de três anos pra cá, começou a aumentar em ritmo mais acelerado a partir de 2010 e não para de crescer”.

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php