SIMEA projeta o futuro da indústria automobilística

O Simpósio Internacional de Engenharia Automotiva (SIMEA 2005), organizado pela Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA), acontece entre os dias 3 e 5 de outubro, em São Bernardo do Campo/SP, com o tema central: “Os 50 anos da Indústria Automobilística no Brasil”. A mostra será palco das fábricas de veículos automotores, que irão expor os recentes lançamentos, serviços, tecnologia e o que está reservado para o futuro.

       Dentre algumas montadoras participantes, a Volkswagen irá apresentar o projeto Auto Visão Brasil, criado em 2003, que tem o objetivo de gerar empregos e negócios, dentro e fora do setor automotivo. A montadora irá expor a bomba de água manual, a qual será doada a pequenas comunidades do semi-árido nordestino e irá permitir que cerca de 60 famílias tenham água potável para consumo e irrigação de lavouras. Na Fiat, o público poderá apreciar o Fiat Idea, mais recente lançamento da marca italiana, que agora passa a disputar o mercado de minivans. O intuito da empresa é conquistar 30% desse segmento, ou cerca de 2 mil unidades comercializadas por mês. No estande batizado de Espaço Vectra, a General Motors não irá expor o novo modelo, mas irá divulgar outras informações para aumentar ainda mais a expectativa do público com relação ao próximo lançamento.

       Entre os fabricantes de autopeças, a Robert Bosch irá apresentar sistemas eletrônicos de injeção diesel, como o common rail destinado a veículos comerciais e de passeio, além de dispositivos para tratamento de gases de escape, como filtro de particulados. Na Saint-Gobain Sekurit será apresentado um vidro com transparência de 35%, que amplia o padrão interno de conforto dos automóveis, pois proporciona uma melhor sensação térmica e redução de transparência luminosa.

       Ao lado dessas empresas, a DaimlerChrysler, Petrobras e Scania também estarão mostrando suas novidades em produtos, serviços e tecnologia. Já o Centro Universitário da FEI, por exemplo, irá exibir um filme com cerca de 50 protótipos desenvolvidos por estudantes durante os 42 anos do curso de Engenharia Mecânica Automobilística.

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php