NGK explica como o motor turbo pode afetar velas, cabos e bobinas



Tendência no setor automotivo, os motores turbos melhoram o desempenho do veículo e são aliados da eficiência energética e da redução de poluentes. Esses benefícios, no entanto, trazem também uma exigência: mais atenção às revisões preventivas. De acordo com a NGK, empresa especialista em sistema de ignição, os cuidados com os componentes do conjunto são essenciais para o bom funcionamento do motor.

Segundo Hiromori Mori, consultor de Assistência Técnica da NGK, “esse ganho de performance gera também pressões mais altas na câmara de combustão, passando a exigir mais das velas de ignição”, por isso as montadoras têm utilizado em novos projetos de veículos turbinados, as velas especiais, com a ponta do eletrodo de platina ou irídio. “Essa tecnologia é importante, pois com o aumento de tensão para o centelhamento, há também um maior desgaste das velas”, comenta Hiromori Mori.

“A tecnologia das velas especiais também pode ser aplicada nos motores convencionais, com as velas G-Power e Iridium IX, que propiciam um ganho significativo em performance”, acrescenta o consultor da NGK.

Para evitar falhas, a NGK orienta que o usuário respeite e esteja atento às recomendações de troca e inspeção das velas determinadas pelas montadoras.

A falta de manutenção das velas pode causar o chamado flash over, que ocorrem quando a tensão de centelhamento entre os eletrodos é muito alta, tornando mais fácil a passagem da corrente elétrica na parte externa da vela. “Nestes casos, além da troca das velas, é necessária a substituição de todo o sistema de ignição, que pode ser composto por vela e bobina, ou vela, cabo e bobina, para que uma peça não comprometa o funcionamento da outra”, orienta o especialista da NGK.

3 comentários em “NGK explica como o motor turbo pode afetar velas, cabos e bobinas

  1. É muito bom saber disso. Evita danos´maiores e despesas desnecessárias para o cliente e menos dor de cabeça para nós mecânicos

  2. boa noite,
    Gostaria de parabenizar toda equipe da revista e apoiadores(em especial a NGK),e aproveito o espaço para perguntar, esse efeito flash over é possível ocorrer também nos veículos de motor aspirado?
    Desde já agradeço pela oportunidade/conhecimento ampliado

    Arlindo

  3. Boa tarde! Senhores Editores, muito bem colocada a matéria apresentada sobre velas para motores Turbo! Foi de grande valia!

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php