Advertisement



Composto por bomba hidráulica, caixa, tubulação de baixa e alta pressão e reservatório de óleo, o sistema de direção hidráulica, responsável por reduzir o esforço do motorista para fazer manobras, deixou de ser um item luxuoso e passou a ser um elemento mais presente em grande parte dos veículos. A Nakata, fabricante de autopeças, explica que a caixa de direção hidráulica, apesar de ser um item de longa durabilidade em condições adequadas de uso, é preciso ter atenção caso necessite ser substituída.

O técnico da marca Eduardo Guimarães aponta que ao efetuar a troca da caixa de direção hidráulica, é necessário limpar o sistema, o reservatório, bem como substituir o óleo e verificar as condições das mangueiras. Guimarães ressalta também sobre a importância da sangria do sistema de caixa da direção hidráulica, fundamental para o correto funcionamento de todos os componentes.

“É preciso esterçar totalmente o volante de um lado para o outro algumas vezes para que as câmaras da caixa preencham de óleo, não permitindo, assim, que o ar fique no sistema”, alerta o especialista, enfatizando que isto provocaria cavitação e o sistema perderia eficiência.