Vendas de caminhões impulsiona mercado de pneus

A boa fase da agricultura nacional e o aumento dos recursos liberados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para o financiamento de caminhões, reflete o bom momento por que passa esse setor no País. Conforme dados da própria instituição financeira, de janeiro a abril, o Programa Finame Caminhões liberou R$ 1,99 bilhão, 58% a mais do que o mesmo período de 2006, quando o volume de crédito foi de R$ 1,25 bilhão.

No caso do Distrito Federal, as vendas dos quatro primeiros meses de 2007 representaram 554 caminhões, contra 283 na mesma época do ano passado. Com isso, o setor registrou uma alta de 95,8%, de acordo com dados do Sindicato dos Concessinários e Distribuidores de Veículos Autorizados do Distrito Federal (SINCODIV/DF).

Rodrigo Pereira, gerente da Siqueira Campos, avalia a situação. “O crescimento da demanda por veículos de carga, aliado à predominância do transporte rodoviário no Brasil e às más condições das estradas, aquece o mercado de pneus”.  Segundo ele, até 30 de julho a empresa programa trazer 30 mil unidades, sendo que desse total, dez mil atendem o segmento de caminhões.

De acordo com o diretor da empresa, Rinaldo Siqueira Campos outro fator é o fato dos pneus terem um ótimo custo benefício. “Esses produtos oferecem uma boa quilometragem inicial, um preço 15% menor em relação aos pneus nacionais e uma ótima carcaça, que possibilita a realização de duas recapagens. Tudo o que o frotista espera de um pneu de qualidade”, argumenta.

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php