Advertisement


A troca da coifa do veículo por vezes exige encontrar a peça específica para determinado modelo, mas não precisa ser assim

Texto: Alessandro Reis
Foto: Lucas Porto

A empresa SKF, fabricante de rolamentos, desenvolveu um modelo de coifa da junta homocinética chamada “Unika”, para atender a frota de veículos de passageiros, comerciais leves e utilitários. Com a ajuda de uma ferramenta expansora, este modelo de coifa permite que a sua substituição seja feita sem a necessidade de remoção da junta fixa e/ou junta deslizante.

O processo é relativamente simples e explicamos aqui o passo a passo detalhado do procedimento em um Kia Soul 2008, com as orientações de Cristiano Ferreira, consultor técnico da SKF. “A coifa Unika é fabricada com um composto de borracha de alta qualidade chamado elastômero, o qual proporciona maior resistência e vida útil prolongada ao sistema. Ela atende a diferentes tamanhos de juntas homocinéticas, já que os diâmetros são variados”, destaca o especialista.

- Publicidade -

O kit da coifa Unika para carros de passeio tem o código VKJP 01001 A, no qual contém a própria coifa, graxa específica para aplicação e duas abraçadeiras que devem ser trocadas na reparação. Também são úteis para a substituição a ferramenta VKN 400 A, da qual faz o aperto e corte de abraçadeiras, e o expansor VKN 402 A, ambos vendidos à parte pela SKF. “O mecânico pode trocar a coifa com ou sem o expansor. Esta ferramenta é essencial na reparação, devido ao ganho na produtividade. Poupa tempo, já que não precisa sacar a junta homocinética. Em alguns carros o semieixo não permite a remoção da junta homocinética, nestes casos é fundamental ter a ferramenta expansora para o procedimento. Já nos modelos que possuem trava, o profissional que não possui a ferramenta pode sacar e fazer a substituição normalmente, porém, com o uso do expansor é muito mais rápido, prático e o serviço fica com a mesma qualidade”, conclui.

Aqui, vamos descrever o procedimento sem a necessidade de remover a junta homocinética, utilizando o expansor SKF.

Procedimento:

1. Remova a roda e solte a trava da porca da junta homocinética com uso de martelo e talhadeira ou chave de fenda. Depois, solte a porca.

2. Com uma chave de 10 mm, solte o flexível do freio para não ter perigo de danificar. Também remova o parafuso de 10 mm do sensor do ABS.

- Publicidade -

3. Na sequência, solte o knucle (manga de eixo) com uma chave de 17 mm para a cabeça do parafuso e outra de 19 mm para respectiva porca, removendo os dois parafusos. Tenha o cuidado para não desencaixar a junta deslizante da caixa de câmbio.

4. Utilizando uma chave de 17 mm, retire o cavalete da pinça de freio. Remova os dois parafusos.

5. Uma vez retirado o cavalete, prenda-o com um arame ou suporte no prato da mola para não forçar o flexível do freio durante do procedimento.

6. Chegou a hora de remover a junta homocinética do centro do cubo da roda, para isso utilize o martelo e um pino punção.

7. Com um alicate de corte, remova as duas abraçadeiras desgastadas, tanto a externa, de maior diâmetro, quanto a interna.

8. Com o mesmo alicate, corte transversalmente a coifa comprometida e a remova.

9. Com um pano limpo, remova toda a graxa velha da junta homocinética e do semieixo, antes de aplicar a graxa nova que compõe o kit da SKF.

10. Agora utilize o expansor da SKF. Para instalação da coifa no lado da roda, posicione-a com o diâmetro maior voltado para o expansor. Note que a ponta do braço expansor deverá ultrapassar o diâmetro menor da coifa, no lado eixo.

11. Insira a coifa no expansor, que tem acionamento pneumático. Aperte o botão, expandindo a borracha o suficiente para passar sobre o sino da junta homocinética. Em seguida, deslize cuidadosamente a coifa expandida sobre a junta homocinética, que não precisa ser removida. Na sequência, libere o ar do expansor e retire a ferramenta.

12. Espere em torno de 1 minuto para que a borracha da coifa retorne à posição inicial. Na sequencia, coloque a abraçadeira de menor diâmetro. Para este procedimento utilize a ferramenta de aperto e corte SKF VKN 400 A ou similar. Posicione a coifa e abraçadeira na marcação correta do semieixo, depois, com a ferramenta, tensione a abraçadeira fixando-a.

13. Corte a fita excedente com a própria ferramenta VKN 400 A e, com uma chave de fenda, dobre a ponta que sobrou para dentro e feche as duas abas laterais que funcionam como travas.

14. Agora é necessário aplicar a graxa na homocinética. O ideal é preencher os vãos entre as esferas de forma a expulsar o lubrificante velho, que deve ser removido com pano limpo. Gire a homocinética de forma a preencher com graxa toda a superfície.

15. Utilize o restante da graxa para aplicar na parte interna da coifa, até acabar o todo o conteúdo do pacote.

16. “Vista” a homocinética com a coifa e coloque a abraçadeira de maior diâmetro na posição correta, junto à extremidade externa da junta. Para travá-la, repita o processo descrito no passo 12.

17. Com um estilete, corte o excesso de borracha da coifa, a parte que “sobra” depois da abraçadeira maior.

18. Limpe toda graxa excedente que ficou na parte externa da coifa durante a substituição.

19. Repita de forma inversa o processo de desmontagem, descrito do passo 1 ao 7. Insira a homocinética no centro do cubo da roda. Recoloque o cavalete da pinça de freio. Reposicione o flexível, reinstale o sensor do ABS e prenda novamente a manga de eixo.

20. Após remontar todo o sistema, coloque novamente a porca da homocinética. Trave o disco com uma ferramenta e aplique o torque correto na porca (vide torques abaixo). Recoloque a roda e a substituição está pronta.

NOTA:

Devido a soltura de componentes da suspensão, é obrigatório a correção da geometria da suspensão em um serviço especializado. O aperto final da roda deve ser feito com o veículo apoiado sobre os pneus.

CUIDADO:

Reaperte as porcas da roda no intervalo de 160 km (100 milhas) após a sua reinstalação. As rodas podem se afrouxar após o aperto inicial. A inobservância desta instrução pode resultar em ferimentos graves ao(s) ocupante(s) do veículo.

AVISO:

Se as porcas da roda não forem apertadas em padrão cruzado, poderá ocorrer excentricidade excessiva do disco de freio, acelerando o desenvolvimento de irregularidade, flutuação e vibração do freio.

Indicações para aperto:

A SKF recomenda os seguintes torques de aperto:
• Porca central da junta homocinética/rolamento – 270 Nm
• Parafusos do knucle (manga de eixo) – 135 Nm
• Parafusos do flexível de freio – 5,4 Nm
• Parafuso do sensor ABS – 5,4 Nm
• Parafusos de fixação da roda – 135 Nm (Roda de liga)

Mais informações
SKF do Brasil: 0800-141152

- Publicidade -