Superbanner - Texaco (30/08 a 24/01/24)

Setor de autopeças pretende investir R$ 3,6 bi em 2010

A indústria autopeças brasileira pretende investir cerca de R$ 3,6 bilhões em recursos para atender a demanda a partir de 2010, de acordo com um estudo realizado pelo Sindipeças (Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores). A prospecção é em virtude de um dos menores desempenhos comerciais da hisória do setor, que deverá fechar o ano com déficit recorde de US$ 3,92 bilhões.

As previsões de US$ 13,5 bilhões em importações e US$ 9,6 bilhões em exportações preocuparam os fabricantes, que vinham alcançando resultados satisfatórios até 2006, quando computaram US$ 1,98 bilhões de superávit.

Apesar da projeção negativa, neste ano o setor tende a recuperar-se da queda de 2009, com um aumento previsto de 15,5%, retomando a patamares de 2008.

O estudo demonstra que entre as maiores dificuldades para competir no atual cenário estão a capacidade de produção reduzida e a falta de matéria-prima, sendo o aço o principal componente que impende o crescimento, seguido do alumínio.

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php