Superbanner - Texaco (30/08 a 24/01/24)

Profissionais preferem ser chamados de mecânicos, diz pesquisa

Estudo entrevistou mais de 1 mil mecânicos de todo o Brasil e foi realizado em parceria com instituto Inteligência em Pesquisa e Consultoria (IPEC)

Como o mecânico encara a chegada da eletrificação?

Sim, o mundo ainda está gourmetizado, mesmo que algumas pessoas não gostem. Para quem não sabe, esse movimento começou na gastronomia e furou a bolha chegando em diversos segmentos. Contudo, os profissionais mecânicos ainda resistem a gourmetização, uma vez que preferem ser chamados de mecânicos e não por nomes gourmet.

 

Para comprovar esse debate, a Pesquisa O Mecânico 2023, que foi realizada com o instituto Inteligência em Pesquisa e Consultoria (IPEC). Neste ano, foram entrevistados 1.071 mecânicos de todos os estados mais o Distrito Federal entre 6 de julho e 30 de agosto. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para o total da amostra, a um nível de confiança de 95%. A pesquisa também foi baseada conforme a distribuição da frota nacional.

Profissionais preferem ser chamados de mecânicos, diz pesquisa

Dito isso, assim como no ano passado, a Pesquisa O Mecânico 2023 perguntou aos profissionais qual nomenclatura eles preferem quando se referem à profissão em si. Em 2023, 45% dos entrevistados preferem ser chamados de “mecânicos”. Embora no limite da margem de erro, esta porcentagem supera o recorde de 40% da edição de 2021 da Pesquisa, o que mostra mais uma vez que o mecânico tem orgulho de ser chamado assim. Outros 22% responderam “reparador” e para 33%, “tanto faz”.

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php