PPG ensina a evitar defeitos na repintura automotiva

PPG pintura automotiva

Atenção à preparação da superfície e limpeza do local evitam problemas comuns na repintura, como efeito casca de laranja e corrosão das peças

 

A PPG explica que alguns cuidados são essenciais durante o processo de repintura automotiva para evitar defeitos comuns, como efeito casca de laranja, perda de brilho e corrosão das peças.

A primeira dica é utilizar complementos de qualidade para a preparação da superfície, como wash primers, massas e primers adequados. “Os complementos para a correção de defeitos de superfícies e reparação de pequenas e grandes irregularidades são a base para o processo de repintura, além de peças-chave para garantir um acabamento final impecável e evitar qualquer tipo de retrabalho”, afirma Ricardo Vettorazzi, gerente técnico da divisão de Repintura da PPG.

Ele ressalta ainda a importância do cuidado com a limpeza do local de trabalho. “A limpeza inadequada pode gerar retrabalho no processo de pintura pois contaminantes impregnados na peça prejudicam as próximas etapas do processo. Alguns problemas, como falha de aderência, mapeamento, sangramento e olho de peixe, ocorrem por contaminações de modo geral”, explica.

Outro problema comum é a imprecisão na proporção da catálise, o que gera retrabalho. A dica é sempre usar a proporção recomendada pelo fabricante, além de não ser recomendável usar endurecedores de marcas ou tipos diferentes.

Fique atento ainda para isolar as peças adjacentes, utilizar o primer indicado para o trabalho requerido e respeitar o tempo de secagem e cura do filme. A recomendação é padronizar os processos para evitar retrabalho e não descuidar da qualidade dos produtos usados.

“Muitas vezes, com o objetivo de economizar, as empresas e profissionais de reparação acabam investindo em produtos apenas pelo seu preço, sem levar em consideração a performance e atributos oferecidos. Nesse caso, o barato acaba saindo caro ou a empresa perde a oportunidade de aumentar a sua rentabilidade”, completa.

A PPG oferece em seu portfólio a linha ACS Evolution, com complementos ideais para a preparação da superfície automotiva que vai receber uma pintura. Entre os benefícios, segundo a empresa, estão secagem rápida, alto rendimento, maior enchimento e facilidade na hora de aplicar e lixar o produto.

Já a linha de primers Rapid Greymatic Deltron conta com uma ampla variedade de tons de cinza, melhorando a cobertura e a assertividade da cor. O verniz DC2000 oferece vantagens como secagem ultrarrápida de até 30 minutos ao ar para polimento, sendo indicado para o processo de retoque e reparo rápido.

 

etapas repintura automotiva

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php