Motor elétrico E7A é desenvolvido entre Renault e Valeo

Batizado de E7A, e ainda na fase de protótipo, o motor elétrico de nova geração será lançado em 2027

E7A é motor elétrico desenvolvido entre Renault e Valeo - Foto: Divulgação/Renault
E7A é motor elétrico desenvolvido entre Renault e Valeo – Foto: Divulgação/Renault

 

A Renault e a Valeo, trabalham em parceria para o desenvolvimento do novo motor elétrico E7A. Graças aos frequentes intercâmbios entre a montadora e o fabricante de componentes automotivos, a parceria iniciada em 2021 rapidamente se transformou em desenvolvimento conjunto. O Renault Group atua com o rotor e a Valeo com o estator. No momento, este motor elétrico está em fase de aprimoramentos e ajustes.

 

Motor elétrico sem o uso de terras raras

Desde o lançamento do veículo elétrico ZOE, em 2012, a Renault apresentou motores elétricos síncronos com rotor bobinado, também conhecidos pela tecnologia EESM (Electrically Excited Synchronous Machine). Esta tecnologia presente no novo motor E7A é 30% mais compacta, mas com uma potência equivalente à dois motores atuais que propulsionam os modelos Megane E-Tech elétrico e Scénic E-Tech elétrico, além do fato de o rotor não utilizar terras raras, permitindo reduzir em 30% o impacto nas emissões de carbono.

 

Potência e eficiência

Este motor elétrico de terceira geração também prevê a contribuição para diminuição do tempo de recarga da bateria, já que a tensão do sistema será de 800 volts, contra o padrão atual de 400 volts. Graças ao estator fornecido pela Valeo, o novo motor elétrico E7A será mais potente e eficiente, desenvolvendo até 200 kW, o que significa maior potência sem a necessidade de utilizar mais energia elétrica. Além disso, o motor utiliza o sistema de bobinagem de fios de cobre conhecido como Hairpin, uma tecnologia da Valeo desde 2010.

O E7A ainda está em fase de desenvolvimento e outras etapas ainda devem ser cumpridas até que seja iniciada a produção em série. A produção em grande escala está prevista para o final de 2027, na fábrica de Cléon do Renault Group.

 

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php