Advertisement


Para sensibilizar os motoristas sobre a importância da segurança no trânsito e diminuição de emissão de poluentes, o projeto do Sindirepa-SP (Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Estado de São Paulo) se transformou na lei 14.274 que institui junho como o “Mês da Manutenção Preventiva de Automóveis”, incluindo a data no calendário oficial da cidade.

O presidente do Sindirepa-SP, Antonio Fiola, destaca que o mês de junho antecede as férias escolares do meio do ano, período propício para chegar o estado geral do veículo. Além disso, fala sobre a necessidade de lembrar o período de validade das peças estabelecidos pelos fabricantes, além dos desgastes precoces por causa de uma série de fatores externos, incluindo vícios do condutor, como apoiar o pé no pedal da embreagem enquanto o veículo está parado no semáforo, que pode comprometer o funcionamento da peça antes do tempo previsto no manual.

Segundo a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) cerca de 3,5 milhões de veículos circulam pelas vias da capital paulista. A frota da cidade chega a 5,4 milhões, somando-se a esse volume cerca de 500 carros novos que entram em circulação por dia. Dados da CET revelam que, em março de 2007, foram removidos da capital paulista diariamente, em média, 299 veículos com defeitos mecânicos, 101 com falhas elétricas e 6 veículos sem combustível, totalizando 8 mil veículos em um mês .

Último levantamento da CET sobre acidentes de trânsito “A cartilha Acidentes de Trânsito Fatais no Município de São Paulo”, em 2005, também mostra números alarmantes: 1.505 mortes em acidentes de trânsito no ano de 2004, o que corresponde a uma média de dois pedestres e um motociclista mortos por dia, um ciclista morto a cada quatro dias, e um motorista morto diariamente.

O Sindirepa-SP também apresentou projeto que já se transformou em lei nas cidades Bragança Paulista e Sorocaba, instituindo junho como o “Mês da Manutenção Preventiva de Automóveis”, de acordo com o calendário oficial desses municípios. Devido à relevância do tema, o Sindirepa-SP estima que a lei deverá ser adotada por outros municípios e faz parte do projeto de Regulamentação do Setor de Reparação Automotiva que visa padronizar os serviços das oficinas, garantindo qualidade na prestação de serviços.

A entidade divulga que para fazer a manutenção preventiva do veículo, o motorista deve procurar uma oficina de confiança ou entrar em contato com o Sindirepa-SP pelo telefone (11) 5594-1010 e obter o endereço de empresas associadas à entidade em um bairro de sua preferência.