Advertisement


Para identificar as melhores práticas globais na reciclagem de  baterias automotivas, a Johnson Controls e o governo  chinês estão atualmente visitando fundições de classe mundial na  Europa e na América do Norte, com o intuito de ilustrar os processos mais eficientes e eficazes para reciclagem de baterias de chumbo-ácido e baterias  químicas avançadas para transporte.A visita está sendo feita a quatro fundições na Alemanha, Espanha, México e América do Norte, bem como instalações de fabricação de baterias de última geração e de distribuição.

No ano passado, a Johnson Controls patrocinou um  estudo que poderá ajudar a China a adotar um melhor sistema  de reciclagem em circuito fechado, no qual os fabricantes recuperem o  chumbo, o plástico e o ácido que formam cada bateria, padronizem o processo e ajudem a reduzir a poluição e os riscos à saúde das pessoas. A visita servirá como marco de comparação  internacional para as maiores iniciativas de estudo de reciclagem  global da China.

De acordo com John Sibson, Diretor Executivo de Estratégias  Corporativas e líder da delegação da Johnson Controls Sibson, a empresa irá destacar as atuais regulamentações da reciclagem, os  exemplos de todas tecnologias de fornalhas de fundição secundária de chumbo e processos e fornecer uma ampla visão de todos os padrões de  saúde e segurança ambientais adotados pelas fundições do ocidente.