Emplacamento de veículos cresce 12,37% no 1º semestre de 2018, divulga Fenabrave



A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) divulgou nesta terça-feira (3), que foram emplacados 1.691.556 veículos no primeiro semestre de 2018. Em comparação com o mesmo período do ano passado, houve crescimento de 12,37%.

Segundo a entidade, os segmentos de automóveis e comerciais leves, somados, foram responsáveis por 1.127.217 das unidades licenciadas, o que representa crescimento de 13,71% no comparativo com o mesmo acumulado de 2017. Já o mercado de caminhões emplacou 32.338 unidades, registrando assim alta de 50,71%.

No segmento de Implementos Rodoviários, os licenciamentos cresceram 79,80% em relação ao mesmo período do ano passado, totalizando 20.019 unidades. Enquanto isso, no setor de motocicletas, foram 456.889 unidades, 6,93% acima das vendas registradas de janeiro a junho de 2017.

Segundo Sérgio Zonta, vice-Presidente da Fenabrave para os Segmentos de Caminhões e Implementos Rodoviários, houve um expressivo aumento nos níveis de financiamento, principalmente pela oferta dos bancos privados e ligados às fabricantes de veículos, o que tem contribuído, significativamente, para esta retomada. “Além disso, verificamos uma queda acentuada na inadimplência e, mesmo com as recentes revisões do PIB, as perspectivas para o segmento continuam positivas, até, porque, a base de comparação com anos anteriores ainda é muito baixa”, comentou.

Já as transações de veículos usados tiveram queda em junho. Todos os segmentos somados – automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas, implementos rodoviários e outros – apresentaram retração de 8,55% em junho, na comparação com o mês anterior. Em comparação com o mesmo mês de 2017, o resultado geral apresentou baixa de 7,97%. Já entre janeiro e junho de 2018, houve alta de 0,73% sobre o acumulado de 2017, somando 6.779.505 mil veículos.