Superbanner - Texaco (30/08 a 24/01/24)

Com recordes em 2011, Grupo Randon mantém investimentos

Em coletiva de imprensa ontem (28/02), na cidade sede Caxias do Sul, executivos do Grupo Randon anunciaram os números de receita, faturamento e exportações de 2011. Com recordes históricos, o Grupo comemorou o aumento de R$ 6,4 bilhões na receita bruta no ano passado, consolidando a posição de quarta maior empresa mundial no segmento de implementos rodoviários.

Esse resultado é 14,1% superior ao ano de 2010, e segundo a empresa, a receita líquida consolidada cresceu 11,8%, chegando a R$ 4,2 bilhões. O EBITDA de R$ 556,7 milhões foi 2,8% maior. Já o lucro líquido consolidado alcançou R$ 269,1 milhões, com margem líquida de 6,5%, o que representa um crescimento de 7,9% no ano.

Astor Milton Schmitt, diretor corporativo da companhia, atribui os bons resultados ao momento favorável da economia local e aos negócios que a empresa vem executando no exterior. Para o ano de 2012, o executivo acredita que o mercado de pesados vai encolher um pouco, o que será refletido no setor de implementos e autopeças, nos quais o Grupo mantém empresas atuantes.

As vendas consolidadas para o exterior no ano passado totalizaram US$ 294,4 milhões, aumento de 22,5%, comparado ao exercício anterior. Um dos avanços foi a fabricação dos 1.500 produtos CKD no Quênia, pela East Africa, montadora e distribuidora Randon para mercados como Uganda, Burundi e Tanzânia. Na China, a Fras-le Ásia encerrou em maio de 2011 seu primeiro plano de expansão, que previa o início da produção local de pastilhas de freios para veículos comerciais, além das lonas já produzidas. A marca de materiais de fricção mostrou ainda fortalecimento aqui no Brasil, com a aquisição da Controil, a fim de expandir os seus negócios em sistema de freios.

A Randon Argentina, localizada em Alvear-Rosário, acaba de receber o certificado oficial de participação do governo no financiamento do plano de investimentos da ordem de US$ 8,0 milhões, para o período 2010-2012. Dedicada à fabricação de reboques e semirreboques, a unidade está ampliando e modernizando a fábrica, a fim de incentivar a produção nacional, reduzir as importações e impulsionar a geração de empregos.

Em 2011, o grupo contabilizou R$ 248,3 milhões em investimentos, sendo um dos principais focos a implantação do sistema de gestão ERP (Enterprise Resource Planning). Os planos para 2012, segundo o Diretor-Presidente do grupo, David Abramo Randon, são de manter os investimentos com planejamentos estruturados, incluindo treinamento de pessoal, exportações e novos negócios.

De acordo com a marca, o sistema impactou nos resultados pelo fato de dar suporte ao avanço das atividades no longo prazo. Outro destaque foi a conclusão das novas instalações localizadas junto à fábrica, no Complexo Interlagos, em Caxias do Sul/RS. Com uma área de mais de 5 mil m²,  o investimento total superou os R$ 20 milhões e vai trazer vantagens operacionais, como a melhoria no fluxo logístico.

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php