Advertisement




A Cofap oferece no mercado de reposição os kits de reparo das juntas homocinéticas com mais de 90 códigos. A empresa explica a peça é uma das responsáveis pela transmissão de potência da caixa de câmbio para as rodas e é protegida por um kit composto por coifa, abraçadeiras, graxa e, em alguns casos, anéis de retenção.

Segundo a marca, coifas deterioradas com rasgos e furos, por exemplo, ficam vulneráveis à entrada de abrasivos e causam contaminação ou perda da graxa, acelerando muito o desgaste da junta homocinética. Assim, checar as coifas e demais acessórios aplicados em sua montagem nas manutenções preventivas do veículo é fundamental para prevenir o desgaste prematuro do componente.

A empresa salienta que seus kits de reparo que são produzidas com borracha nitrílica (NBR), o que garante grande resistência química a óleo, combustível, tintas e solventes. Grande parte dos kits comercializados no mercado são compostos por coifas de borracha natural (NR), menos resistentes ao contato com agentes derivados de petróleo. Assim, a graxa lubrificante aplicada no momento da montagem pode deformar a coifa, tornando-a mais frágil e vulnerável a cortes e furos, com maior risco de rompimento.

Há ainda coifas produzidas com uma mistura de borracha natural com percentual de 30% a 40% de borracha nitrílica. Essa combinação evita a deformação instantânea ao contato com a graxa, no entanto, não evita o desgaste prematuro da peça, destaca a Cofap. Dependendo da aplicação, o kit de reparo da marca vem com dois tipos de graxa: uma a base de cálcio, aditivada com grafite, para juntas fixas e deslizantes; e outra à base de lítio para os sistemas que utilizam trizetas.

- Publicidade -
- Publicidade -