Brasileiros marcam pontos na Indy e na F-1; na Stock Car, vitória foi de Valdeno

Três corridas movimentaram o calendário do automobilismo neste final de semana. A Formula 1 desembarcou na China e viu a primeira vitória do alemão Nico Rosberg e da equipe Mercedes, esta após mais de 50 anos. Na Indy, a etapa de Long Beach foi marcada por um acidente entre brasileiros, enquanto que, na Stock Car, Valdeno Brito (Shell Racing) assumiu a liderança na largada para não mais perder, vencendo a quarta corrida na carreira.

Fonte: site oficial da equipe Mercedes (https://www.mercedes-amg-f1.com)
Fonte: site oficial da equipe Mercedes (https://www.mercedes-amg-f1.com)

No circuito de Xangai, a Formula 1 teve uma corrida movimentada desde a largada, graças às diferentes estratégias de pit stops, e também mostrando que o equilíbrio entre as equipes nos treinos não era ocasional. Apesar disso, Nico Rosberg se manteve firme na ponta e, com uma estratégia de um pit stop a menos, não teve sua liderança ameaçada pelas McLarens de Jenson Button e Lewis Hamilton, que completaram o pódio, respectivamente. O companheiro de equipe de Rosberg, Michael Schumacher, largou em segundo e tinha grandes chances de chegar a seu primeiro pódio desde o retorno à categoria, mas foi obrigado a abandonar a prova já na 12ª volta, ao sair dos boxes com uma porca de roda solta.

GP CINA F1/2012

Durante toda a corrida, houve uma disputa intensa entre Kimi Raikkonen (Lotus), Mark Webber (Red Bull), Fernando Alonso (Ferrari), as McLarens e as duas Sauber (Sérgio Pérez e Kamui Kobayashi) pelas outras duas posições no pódio. Sebastian Vettel fez uma corrida de recuperação e chegou a ser o 2º colocado a poucas voltas do final, mas, com pneus desgastados, não conseguiu aguentar a pressão dos que vinham em seu encalço, Button, Hamilton e Webber, e terminou em 5º.

GP CINA F1/2012

Com quase todo o pelotão andando junto e estatégias de pit stop misturadas, eventualmente, até mesmo Perez e Felipe Massa ocuparam as primeiras posições da prova. Massa, no entanto, sofreu com a tática da Ferrari, que o manteve na pista com pneus desgastados virando tempos muito lentos, e terminou apenas da 13ª colocação. Alonso também teve problemas com o ritmo de corrida de seu carro e foi apenas o 9º, com dificuldades para ameaçar a Williams de Pastor Maldonado, 8º.

GP CINA F1/2012

As Williams, aliás, ao lado da Mercedes, foram os destaques positivos da corrida. Depois de largar em 14º e perder um pedaço do bico na largada, Bruno Senna manteve um ritmo consistente e alcançou o 7º posto, logo à frente de seu companheiro de equipe, se segurando com os pneus no limite do desgaste.

2012 Chinese Grand Prix

“A estratégia foi difícil porque passamos um pouco do ponto no segundo jogo de pneus, do macio, e eu perdi posição e podia ter feito um estrago na corrida. Então, foi meio que no limite, mas o carro tinha potencial para este resultado”, disse o piloto brasileiro à imprensa. Bruno tem 14 pontos e ocupa a 9ª posição no campeonato, que agora tem a liderança de Lewis Hamilton.

Acidentes definem resultados na Indy e na Stock Car

Um toque de Hélio Castroneves (Penske) em Rubens Barrichello (KV Racing) na última curva alterou o resultado da corrida disputada no circuito de rua de Long Beach, a terceira da temporada da Formula Indy. Ocupando a sétima posição durante a última volta, Barrichello foi acertado por trás por Castroneves. Os carros bloquearam passagem dos que vinham atrás e nenhum deles pode receber a bandeirada. Por causa do acidente, a direção da prova considerou no resultado final a classificação da penúltima passagem onde Barrichello estava em 9º.

2012 IndyCar Long Beach

Castroneves foi considerado culpado pelo acidente e foi punido, caindo para o 13º lugar na tabela final. A etapa foi vencida pelo australiano Will Power, companheiro de Hélio na Penske. Com o resultado, Power assumiu a liderança do campeonato. Tony Kanaan conseguiu completar a corrida sem problemas mecânicos, pela primeira vez na temporada, e alcançou um ótimo 4º lugar. A próxima etapa da Indy é a São Paulo Indy 300, que acontece nas ruas da Zona Norte da capital, nos dias 28 e 29 de abril.

Já na Copa Caixa Stock Car, o resultado se definiu logo na largada. O pole, Allan Khodair (Vogel Motorsport), fez uma largada ruim e, para defender a posição, prensou Ricardo Maurício (Eurofarma RC) no muro. Khodair foi punido pelo toque e saiu da briga pelas primeiras posições, enquanto o paraibano Valdeno Brito assumiu a liderança da prova para não mais perder até a bandeirada final. Completaram o pódio os pilotos Max Wilson (Eurofarma RC) e Átila Abreu (Mobil Super Pioneer Racing). O atual campeão, Cacá Bueno (Red Bull), abandonou a corrida com o motor quebrado.

Fonte: site oficial da Stock Car (www.stockcar.com.br)
Fonte: site oficial da Stock Car (www.stockcar.com.br)

Resultados das corridas:

Formula 1 – Grande Prêmio da China
Circuito de Xangai

1) Nico Rosberg (ALE/Mercedes)
2) Jenson Button (ING/McLaren)
3) Lewis Hamilton (ING/McLaren)
4) Mark Webber (AUS/Red Bull Racing)
5) Sebastian Vettel (ALE/Red Bull Racing)
6) Romain Grosjean (FRA/Lotus)
7) Bruno Senna (BRA/Williams)
8) Pastor Maldonado (VEN/Williams)
9) Fernando Alonso (ESP/Ferrari)
10) Kamui Kobayashi (JAP/Sauber)
11) Sergio Pérez (MEX/Sauber)
12) Paul di Resta (ESC/Force India)
13) Felipe Massa (BRA/Ferrari)
14) Kimi Raikkonen (FIN/Lotus)
15) Nico Hulkenberg (ALE/Force India)
16) Jean-Éric Vergne (FRA/Toro Rosso)
17) Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso)
18) Vitaly Petrov (RUS/Caterham)
19) Timo Glock (ALE/Marussia)
20) Charles Pic (FRA/Marussia)
21) Pedro de la Rosa (ESP/HRT)
22) Narain Karthikeyan (IND/HRT)
23) Heikki Kovalainen (FIN/Caterham)

Abandonou:
Michael Schumacher (ALE/Mercedes)

Formula Indy – Grande Prêmio de Long Beach
Circuito de rua de Long Beach (EUA)

1) Will Power (AUS/Penske-Chevrolet)
2) Simon Pagenaud (FRA/Schmidt Hamilton-Honda)
3) James Hinchcliffe (CAN/Andretti-Chevrolet)
4) Tony Kanaan (BRA/KV-Chevrolet)
5) J. R. Hildebrand (EUA/Panther-Chevrolet)
6) Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Chevrolet)
7) Ryan Briscoe (AUS/Penske-Chevrolet)
8) Takuma Sato (JAP/Rahal Letterman-Honda)
9) Rubens Barrichello (BRA/KV-Chevrolet)
10) Justin Wilson (ING/Dale Coyne-Honda)
11) James Jakes (ING/Dale Coyne-Honda)
12) Ernesto Viso (VEN/KV-Chevrolet)
13) Hélio Castroneves (BRA/Penske-Chevrolet)
14) Ed Carpenter (EUA/Carpenter-Chevrolet)
15) Dario Franchitti (ESC/Chip Ganassi-Honda)
16) Oriol Servià (ESP/Dreyer & Reinbold-Lotus)
17) Sébastien Bourdais (FRA/Dragon-Lotus)
18) Charlie Kimball (EUA/Chip Ganassi-Honda)
19) Katherine Legge (ING/Dragon-Lotus)

Abandonaram:
Simona de Silvestro (SUI/HVM-Lotus)
Alex Tagliani (CAN/BHA-Lotus)
Mike Conway (ING/A. J. Foyt-Honda)
Scott Dixon (NZL/Chip Ganassi-Honda)
Graham Rahal (EUA/Chip Ganassi-Honda)
Marco Andretti (EUA/Andretti-Chevrolet)
Josef Newgarden (EUA/Fisher Hartman-Honda)

Copa Caixa Stock Car – Etapa de Curitiba
Autódromo Internacional de Curitiba

1) Valdeno Brito (PB/Shell Racing)
2) Max Wilson (SP/Eurofarma RC)
3) Átila Abreu (SP/Mobil Super Pioneer Racing)
4) Ricardo Maurício (SP/Eurofarma RC)
5) Marcos Gomes (SP/Medley Full Time Peugeot)
6) Daniel Serra (SP/Red Bull)
7) Luciano Burti (SP/Boettger)
8) Vitor Meira (DF/Officer ProGP)
9) Júlio Campos (PR/Carlos Alves)
10) Flávio Nonô Figueiredo (SP/ Mobil Super Pioneer Racing)
11) Antônio Pizzonia (AM/JF)
12) David Muffato (PR/Boettger)
13) Lico Kaesemodel (PR/RCM)
14) Ricardo Sperafico (PR/Mico’s)
15) Diego Nunes (SP/Hot Car)
16) Tuka Rocha (SP/BMC Full Time)
17) Giuliano Losacco (SP/Bassani)
18) Allam Khodair (SP/Vogel)
19) Galid Osman (SP/BMC Full Time)
20) Rodrigo Sperafico (PR/Mico’s)
21) Pedro Boesel (PR/JF)
22) Eduardo Leite (SP/Hot Car)
23) Alceu Feldmann (PR/Shell Racing)
24) Denis Navarro (SP/Vogel)
25) Xandinho Negrão (SP/Medley Full Time)

Abandonaram:
Popó Bueno (RJ/Gramacho RZ)
Thiago Camilo (SP/RCM)
Ricardo Zonta (PR/Gramacho RZ)
Rodrigo Navarro (SP/Carlos Alves)
Cacá Bueno (RJ/Red Bull)
Felipe Maluhy (SP/Bassani)

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php