Superbanner - Texaco (30/08 a 24/01/24)

Audi desenvolve molas leves para os modelos em produção

A Audi anunciou que introduzirá novas molas para suspensão, mais leves, feitas de polímeros reforçados por fibras de vidro (GFRP), até o final de 2014. A diferença dessa mola para as feitas de aço é que ela é verde claro, o filamento de fibra é mais espesso do que o fio da mola de aço e ela possui um diâmetro geral ligeiramente maior, com um menor número de serpentinas.

16902

Segundo a montadora alemã, enquanto a mola de aço para um modelo médio de categoria superior pesa aproximadamente 2,7 quilogramas (6,0 lb.), a mola GFRP com as mesmas propriedades pesa apenas cerca de 1,6 quilogramas (3,.5 lb.).

O núcleo das molas consiste de longas fibras de vidro torcidas conjuntamente e impregnadas de resina de epóxi. Uma máquina envolve fibras adicionais em volta daquele núcleo — que possui apenas alguns milímetros de diâmetro — em ângulos alternados de mais e menos 45 graus com relação ao eixo longitudinal. Essas malhas de tensão e compressão se sustentam mutuamente para absorver de forma ótima os estresses que atuam sobre o componente. No último passo da produção, a peça bruta é curada em um forno a temperaturas de mais de 100 graus Celsius.

Ainda de acordo com a Audi, as molas GFRP podem ser adaptadas com precisão às suas respectivas tarefas, e o material apresenta propriedades inéditas. Ele não sofre corrosão, mesmo após ser submetido ao impacto de pedras, e é imune a agentes químicos tais como os produtos usados para limpar rodas. Sua produção também requer muito menos energia do que a produção das molas de aço.

Envie um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php