Lançamento: JAC T40



Novo modelo da marca chinesa fica no meio caminho entre um SUV e um crossover; é equipado com o mesmo motor 1.5 flex do T5 e câmbio manual de cinco marchas

Texto: Fernando Lalli
Fotos: Divulgação


Desenvolvido sob a direção do Grupo SHC, que administra a JAC Motors no Brasil, o JAC T40 é o responsável por estrear o novo logo da marca chinesa, aposentando a estrela de cinco pontas que a caracterizava anteriormente. Com 4,13 de comprimento, tem o mesmo motor 1.5 flex de 127 cv de potência e 15,7 kgfm de torque (no etanol) que equipa tanto o T5 quanto algumas versões da linha J3.



Projetado em cima de uma nova plataforma da JAC, inédita no Brasil, o conjunto mecânico se destaca também pela suspensão com barras estabilizadoras dianteira e traseira, freios a disco nas quatro rodas (ventilados na frente e sólidos atrás) com pinças pintadas em vermelho e rodas de liga leve de 16 polegadas. Ainda traz de série controle de estabilidade (ESP), assistente de partida em rampa, assistente de velocidade de cruzeiro (cruise control), controle de tração, assistente de frenagem de emergência, direção elétrica progressiva e sensor de pressão dos pneus.



O SUV/crossover foi desenhado no centro de design em Turim, na Itália, levando em conta o gosto do consumidor brasileiro, que ainda compra “carro por metro”, opina o presidente do Grupo SHC, Sérgio Habib. “Eu queria um carro que tivesse uma maior impressão de tamanho”, conta o executivo.

Para demonstrar o resultado, no evento de lançamento aos jornalistas, Habib colocou o T40 lado a lado com unidades de modelos como Aircross, Peugeot 2008, Ford EcoSport, VW Golf e até o próprio JAC T5. Na comparação visual, o T40 parece realmente maior que os citados, mesmo sendo mais curto no comprimento e tendo distância entre os eixos (2,49 m) equivalente ou menor. Os trunfos aqui são a largura de 1,75 m (igual à do Honda Civic) e a altura de 1,56 m.



Automático em 2018
Por enquanto, a única opção de câmbio é a caixa manual de cinco marchas. Habib promete trazer o T40 com caixa automática CVT já no começo de 2018, o que acresceria R$ 5.000 ao preço do modelo.

Mesmo sendo essa a versão mais esperada, Habib justifica a demora pela cota limitada de venda de veículos imposta pelo programa Inovar-Auto a importadores até o final de 2017. O Grupo SHC pode vender até 4.800 carros até o final do ano, e o T40 com CVT faria essa marca estourar. A expectativa da empresa é vender 300 unidades por mês do T40 até o final de 2017.



Preços
Custa R$ 56.990 em sua versão básica. Porém, a versão que chega às concessionárias inicialmente é a de R$ 58.990, com central multimídia, câmera de estacionamento traseira e câmera dianteira de segurança – pela qual o proprietário pode gravar as imagens do percurso em um cartão de memória, tal qual virou moda em outros países, como a Rússia.

O preço vai a R$ 60.980 com a pintura bitom – na verdade, uma película da 3M aplicada aqui mesmo no Brasil, que pode ser preta (com a cor laranja) ou prata (com a cor vermelha).


Ficha técnica
JAC T40 1.5 VVT 16V JetFlex

Motorização
Tipo de motor: 4 cilindros em linha
Deslocamento volumétrico (cm3): 1.499
Diâmetro (mm):75
Curso (mm): 84,8
Comando de válvulas: DOHC 16V VVT
Potência Máxima (cv/rpm): 125/6.000 (Gasolina) e 127/6.000 (Etanol)
Torque Máximo (Nm/rpm): 152/4.000 (Gasolina) e 154/4.000 (Etanol)
Taxa de compressão: 10:1

Transmissão
Manual, com 5 marchas
Relações
1ª: 3,769
2ª 2,053
3ª 1,393
4ª 1,031
5ª 0,778
Ré 3,25
Diferencial: 4,056

Suspensões
Dianteira: Independente, tipo McPherson, com molas helicoidais e barra estabilizadora
Traseira: Semi-independente, eixo de torção, com molas helicoidais e barra estabilizadora

Freios
Discos ventilados na dianteira e discos sólidos na traseira

Rodas
Pneus: 205/55 R16
Rodas: Em liga de alumínio 16″

Dimensões
Comp./ Larg. / Alt.(mm): 4.135 × 1.750 × 1.568
Entre eixos (mm): 2.490
Peso em ordem de marcha (kg): 1.155
Capacidade do porta-malas (L): 450
Capacidade do tanque de combustível (l): 42